25 novembro 2006

Querido Papai Noel!

Primeiramente, gostaria de pedir desculpas por não mandar notícias há aproximadamente 25 anos. É que andei meio ocupada... ou porque não dizer, desocupada? Durante esse tempo, acreditei em outras coisas, em outras pessoas e até em mim mesma!

Não quero perder mais tempo: resolvi, então, escrever para o senhor agora! Afinal, o Natal está aí. Logo os perús estarão saindo quentinhos do forno e todo mundo vai começar a se amar de uma hora para a outra. Daqui a pouco os papeizinhos de amigo-secreto começarão a chegar e a Rede Globo começa a anunciar o Especial de Natal do Roberto Carlos... enfim, entramos na reta final deste ano, que não foi fácil!

Dessa vez, eu juro! Não quero ganhar nada. Quero perder! Só percebemos certas coisas quando as perdemos e, aí sim, começamos a ganhá-las. Quero perder o medo de ser feliz. Quero perder a vergonha de amar. Quero perder a hora, os minutos e os segundos, e ganhar uma vida inteira. Quero perder a razão para sentir a emoção!

Se não achar justo, pode me surpreender com um abraço, uma palavra ou um gesto. Assim, não vou achar que, mais uma vez, tudo foi por água abaixo. Era isso, Papai Noel. Me desculpe se não fui clara o suficiente. Se me perdi nas palavras... Bjo e tchau!

P.S.: Prometo não roubar no sorteio do amigo-secreto, fingindo que tirei meu nome só pra poder tirar outro papel. (rs)

3 comentários:

Camila Almeida disse...

adorei o "p.s"....kkkkkk!!!
sempre faço isso!!!
kkkkkkkkkkkkkk


bjsbjs e te amo

ivan disse...

hauhauha. bibiu vc é foda!! ahahaha. estraga o segredo.
adorei q vc vai hj!!

Renata Almeida disse...

Biu!!!
Esse foi o seu post que eu mais gostei. Serio. Amei a diéia da cartinha para Papai Noel. E o conteúdo dela. Amiga, vc tava inspirada demais. Tenho certeza de que ele vai te dar o que você pediu.
Um beijo viu? Te amo muito!!!!!