11 junho 2010

"A vida não é triste. Tem horas tristes".

Não consigo dormir. Vou "perder" mais um amigo...

Primeiro foi Renata, que me deixou arrasada na sua partida, mas, foi em busca da sua felicidade e acredito que a achou lá na Espanha. Acho que, mesmo distante, é a pessoa que eu mais converso e me divirtido todos os dias. Continuamos as mesmas bocózildas de sempre e assumimos isso! Nossas vidas seguiram caminhos opostos, mas, ainda assim, conversamos com a mesma intensidade de sempre. Amo intensamente...

Agora, lá se vai mais um, mas não quero falar muito sobre isso. Perdas recentes emocionam demais. Quando eu soube, senti como se tivesse perdido alguém de verdade, a ficha caiu, literalmente, na hora da descoberta. Segundo ele, não me contou logo porque ficou "com medo que eu me atirasse da janela". Pode acreditar que a brincadeira tem real fundo de verdade. Ainda não consigo imaginar como será minha vida sem ligar pra ele quando eu estou feliz ou trsite...

Enfim, "querido diário", até a despedida... :~(

6 comentários:

Viviane Costa disse...

É, a vida tem horas MUITO tristes. Mas segura a onda, amiga. Eu ainda estou aqui pra te azucrinar o juízo. Pelo menos até o dia em que mudar pra Paris, rs.

Beijo!

Biu disse...

nao quero mais ser sua amiga, entao... :(

Renata Magallanes disse...

Biiiiiiiiiibis!
ô amiga....fica assim nao!
A distancia fisica nao impede nada! A gente bem sabe disso!
Te amo viu?
Muitos beijos

Camila Almeida disse...

qem se vai dessa vez?

Camila Almeida disse...

qem se vai dessa vez?

Biu disse...

glauber mateus